Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Dirigente do PRB questiona uso de texto antigo por Arquidiocese

O presidente do PRB e coordenador da campanha de Celso Russomanno, Marcos Pereira, usou ontem seu blog para rebater a nota da Arquidiocese de São Paulo que o acusou de fomentar "discórdia, ataques e ofensas". Ele disse lamentar o fato de a instituição católica ter replicado agora, no meio do processo eleitoral, um artigo que ele publicou em 18 de maio de 2011.

O Estado de S.Paulo

15 de setembro de 2012 | 03h06

"Lamento que tal exercício de pensamento, publicado há um ano e quatro meses, seja usado de maneira indevida às vésperas da eleição para a Prefeitura de São Paulo", afirmou. Ainda segundo Pereira, o texto, com o título Qual o Futuro da Educação no Brasil?, trazia uma análise de fatos sob o contexto da época. "Manifestei, naquele momento, minha liberdade de expressão e livre pensamento, sem nenhuma conotação política ou eleitoral."

A secretaria de comunicação da Arquidiocese de São Paulo também divulgou ontem uma nota sobre o caso, na qual tratou sobretudo do tempo decorrido entre a divulgação do artigo de Pereira e a reação. "A nota de repúdio é uma resposta pontual à ofensa que o senhor Marcos Pereira fez à Igreja Católica Apostólica Romana", diz o texto. "Apesar de ter sido publicada pelo senhor Pereira há pouco mais de um ano, a manifestação continua postada em seu blog e em outros ligados à Igreja Universal (como no blog do próprio Edir Macedo). Não se trata, portanto, de uma palavra ou opinião do passado. Ela continua publicada e válida para quem quiser ler."

A secretaria, que divulgou a nota a pedido do cardeal arcebispo d. Odilo Scherer, acrescenta: "A Igreja Católica não trouxe a questão para o contexto eleitoral. A questão é que, como já afirmamos, o texto continua postado no blog do pastor Marcos Pereira, que continua presidente do partido do candidato Russomanno, o PRB. Além disso, Pereira continua uma das principais lideranças da campanha de Russomanno para a Prefeitura. Tudo isso é que traz a questão para o contexto eleitoral."/ R.A.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.