Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

Diretório nacional do PT intervém em João Pessoa para apoiar Coutinho

Partido havia lançado o suplente de deputado Anisio Maia para disputar a prefeitura

Ricardo Galhardo, O Estado de S. Paulo

17 de setembro de 2020 | 12h08

O diretório nacional do PT decidiu intervir no diretório municipal de João Pessoa (PB) para impor o apoio do partido à candidatura do ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) para a prefeitura. 

Depois de várias tentativas frustradas de negociação de uma aliança com o PSB em torno de um nome indicado por Coutinho, o PT local decidiu lançar o suplente de deputado Anisio Maia para disputar a prefeitura. A presidente nacional do partido, Gleisi Hoffmann, chegou a dar entrevista a uma rádio local dizendo que a candidatura de Maia era "para valer".

O quadro mudou nesta quarta-feira, último dia do prazo legal para as convenções partidárias, quando Coutinho decidiu ele próprio se candidatar. O PT nacional tentou convencer as lideranças locais a apoiarem o ex-governador, mas, diante das resistências, votou pela intervenção no diretório municipal.

Preso em dezembro de 2019 sob suspeita de participação em um esquema de desvio de dinheiro público (que ele nega) e solto no dia seguinte, Coutinho é visto no PT como um aliado fiel por ter se posicionado publicamente contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff, contrariando a posição nacional do PSB, e contra a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.