Dilma dá 'puxão de orelha' em ministro

O Palácio do Planalto desautorizou ontem o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro (PMDB), a falar sobre as negociações do Código Florestal. Irritada com o vazamento de as notícias de que o governo estaria disposto a negociar com o Congresso alterações na Medida Provisória (MP) que trata do novo Código Florestal, a presidente Dilma Rousseff tornou pública, por meio de assessores, a proibição de se fazer comentários sobre o caso.

O Estado de S.Paulo

10 de junho de 2012 | 03h07

Mendes Ribeiro não passou recibo do puxão de orelhas. "Pedi a minha assessoria que corrigisse qualquer notícia dizendo que eu teria afirmado que haveria negociação do Código Florestal", afirmou. Indagado sobre a rispidez do Planalto, o ministro disse: "Vai ver que era só para esclarecer, mas o assessor estava mal humorado". / CHRISTIANE SAMARCO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.