Pablo Valadares/Agência Câmara
Pablo Valadares/Agência Câmara

Deputado Gustavo Fruet alega falta de recursos e desiste de concorrer à prefeitura de Curitiba

Em seu lugar, o PDT terá como candidato o deputado estadual Goura Nataraj

Julio Cesar Lima, especial para o Estadão

12 de setembro de 2020 | 19h05

CURITIBA – O deputado estadual Goura Nataraj será o candidato do PDT à prefeitura de Curitiba. O anúncio foi feito durante convenção partidária, realizada virtualmente na tarde de sábado, 13. O ex-prefeito e deputado federal Gustavo Fruet era o nome mais cotado para assumir a chapa, porém, em carta, alegou algumas dificuldades. “Não consegui viabilizar esses recursos com a devida antecedência. Não se improvisa, na minha fase, uma eleição majoritária desse porte”, analisou.

No sábado também, o delegado licenciado da Polícia Federal (PF) e deputado estadual Fernando Francischini (PSL) foi oficializado candidato à prefeito pelo partido em uma convenção realizada no formato drive -thru, no estacionamento de um restaurante da cidade. Francischini, que foi o maior cabo eleitoral do presidente Jair Bolsonaro no Paraná, já conta com os apoios do PSDB, Solidariedade e Patriotas e tenta ampliar alianças no campo conservador.

O Avante lançou a candidatura da psicóloga Marisa Lobo para prefeita e do professor Romulo Quenehen como vice. Marisa será a quinta mulher a disputar a prefeitura de Curitiba nesta eleição.

O PSTU realizou convenção online e indicou a professora Samara Garratini e Samuel Mattos como candidata e vice.

Nesta semana, o quadro eleitoral deve ser definido com as convenções do PT, dia 14, que deve confirmar o professor Paulo Opuska como candidato. Os Progressistas podem lançar na quarta-feira, 16, a deputada estadual Maria Victória como candidata, após as negociações como vice na chapa com Greca não terem avançado.

Para Entender

Calendário Estadão

As datas, definições partidárias, candidaturas e a cobertura especial do jornal das campanhas pelo País e nos Estados Unidos

O secretário de Justiça, Ney Leprevost (PSD) abriu mão da candidatura a pedido do governador Ratinho Júnior, que também desidratou a candidatura de Luizão Goulart dos Republicanos para apoiar o atual prefeito.

Já o MDB irá definir sua situação também na quarta-feira e o nome do ex-deputado federal João Arruda é o mais cotado como candidato.

Na sexta, o PSOL confirmou o nome da psicanalista Letícia Lanz como candidata do partido, juntamente com a advogada Giana de Marco.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.