Defesa do senador quer que STF pare investigações

A defesa do senador Demóstenes Torres (GO) pediu ontem ao Supremo Tribunal Federal que suspenda as investigações contra o parlamentar por suspeita de envolvimento com Carlinhos Cachoeira. O pedido será decidido em breve pelo ministro Ricardo Lewandowski, relator do inquérito. O advogado do senador, Antonio Carlos de Almeida Castro, também pediu a suspensão das diligências determinadas por Lewandowski, entre as quais a quebra do sigilo bancário do senador.

O Estado de S.Paulo

11 de abril de 2012 | 03h09

O advogado diz que as apurações foram feitas por autoridade que não tinha competência para investigar um senador. Além disso, o advogado deve pedir ao Ministério Público Federal que investigue vazamento de informações da Operação Monte Carlo, da PF. / MARIÂNGELA GALLUCCI

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.