Datafolha: Doria tem 30% e Russomanno, em segundo, 22%

Candidato do PSDB, segundo instituto, lidera pesquisa de intenção de votos em São Paulo; Marta Suplicy caiu de 20% para 15%, enquanto prefeito Fernando Haddad oscila de 10% para 11%

O Estado de S.Paulo

27 de setembro de 2016 | 12h38

Pesquisa Datafolha realizada na segunda-feira, 26, mostra que o candidato João Doria (PSDB) ampliou sua vantagem na disputa pela Prefeitura de São Paulo e está com 30% das intenções de voto. O empresário também apareceu em primeiro na pesquisa Ibope/Estado/TV Globo, com 28% dos votos. Segundo o Datafolha, Celso Russomanno (PRB) se manteve estável e Marta Suplicy (PMDB) perdeu cinco pontos porcentuais. O atual prefeito Fernando Haddad (PT) oscilou para cima, mas dentro da margem de erro.

Em segundo lugar, Russomanno  aparece consolidando os seus 22%  - número que já havia aparecido na pesquisa Datafolha do último dia 21. Marta caiu de 20% para 15%. A pesquisa mostra que ela perdeu apoio na faixa de renda de dois a cinco salários mínimos, em que despencou de 22% para 12%.

Com a queda de Marta, ela ficou tecnicamente empatada com o prefeito Haddad, que oscilou de 10% para 11%. Luiza Erundina se manteve com 5%. Major Olímpio (SD) e Levy Fidelix (PRTB) registraram 1%. Ricardo Young (Rede), João Bico (PSDC), Henrique Áreas (PCO) e Altino (PSTU) não atingiram 1%. Votos brancos e nulos somam 12% e 4% dos eleitores não opinaram.

Em projeções de segundo turno, o tucano está numericamente à frente, mas em empate técnico com adversários. Contra Russomanno, ele ficaria com 42%, ante 37% do candidato do PRB. Se disputasse com Marta, o tucano teria 45% e ela, 36%.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.