Crivella pede passaporte especial para tio

A pedido do Senado, o Itamaraty concedeu passaportes diplomáticos para o chefe da Igreja Internacional da Graça de Deus, pastor Romildo Ribeiro Soares, conhecido por R.R. Soares, e para sua mulher, Maria Madalena Bezerra Soares. Nenhum dos dois exerce atividade parlamentar. A portaria de 10 de novembro do ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de ontem.

ROSA COSTA / BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

19 de novembro de 2011 | 03h04

O portador de passaporte diplomático tem tratamento privilegiado nos aeroportos e alfândegas, como dispensa das filas para obtenção do visto e da revista da bagagem. Pela lei, esse tipo de passaporte deve ser concedido somente a funcionários do governo ou a autoridades em missão oficial representando o Brasil.

A Coordenação de Atividades Externas do Senado, órgão encarregado de intermediar os pedidos de passaportes ao Itamaraty, informa que desconhece o documento. A assessoria do Itamaraty informou que "está buscando a informação" sobre quem assinou o ofício. Técnicos do Senado afirmam que o documento é do gabinete do senador Marcelo Crivella (PRB-RJ). Crivella é sobrinho do pastor. A assessoria do senador foi procurada, mas não se manifestou até o fechamento desta edição.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.