Crivella diz que aprende logo a lidar com as minhocas

Ao assumir ontem o Ministério da Pesca e Aquicultura, o senador Marcelo Crivella (PRB-RJ) disse que vai aprender rápido a "colocar a minhoca no anzol" - coisa que ele admitiu desconhecer, em entrevista dada na véspera à rádio Estadão ESPN.

O Estado de S.Paulo

03 Março 2012 | 03h04

"Colocar minhoca no anzol a gente aprende rápido, pensar nos outros é mais difícil. Muitas vezes, Deus não chama os mais qualificados, mas sempre qualifica os escolhidos", afirmou, acrescentando: "Esse é o espírito do nosso governo: pensar nos outros". No encerramento da cerimônia, a presidente Dilma Rousseff retomou a menção às minhocas. "O senador Crivella tem toda razão, a gente aprende a colocar a minhoca no anzol, o que é difícil de aprender é de fato governar para todos. Esse País, afinal, levou alguns séculos para respeitar todos os cidadãos."

Em meio à sucessiva queda de ministros, Crivella pediu que Deus não permita irregularidades na pasta. "Que o Senhor conceda a todos os colaboradores e funcionários do ministério boa vontade, sabedoria, e discernimento", para que não ocorram deslizes "que desanimam o povo e fazem o cidadão sentir vergonha". / R.M.M, T.M. e RICARDO BRITO

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.