Convidado só na véspera, Serra agradece e não vai

O ex-governador de São Paulo José Serra só foi avisado do evento pró-Aécio em Goiás na noite da véspera. "Consegui falar com ele só à noite (do domingo), ele agradeceu o convite, disse que não poderia vir e desejou boa sorte", contou o governador Marconi Perillo. Este agitou a plateia ao defender a candidatura de Aécio: "Quero dizer em alto e bom som: Aécio, vá à luta, a vez é sua. Ainda é cedo, mas e não é tão cedo assim. Antes cedo que tarde". O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, propôs que o partido centre forças nos problemas nacionais. "Não sei se é bom para o debate a questão da ética. A corrupção neste país virou algo comum. Não vamos fazer disso um cavalo de batalha. A economia deve abrir corações e mentes."

O Estado de S.Paulo

05 de março de 2013 | 02h09

Ligado a Serra, o senador Aloysio Nunes Ferreira (SP) lembrou a gestão do amigo no Ministério da Saúde e se limitou a dizer que o partido deve "esticar a musculatura e botar a boca no trombone". Diplomático, Aécio disse que Aloysio terá uma "responsabilidade enorme" na elaboração da nova agenda tucana. O "Fórum Discutindo o Futuro de Goiás e do Brasil" mostrou a força da rede partidária do governador, mas foi Aécio quem pagou a festa. "Tenho enorme orgulho de tê-lo ao meu lado", disse o senador. / L. N.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.