Convenção de nanicos atrai 4 pré-candidatos

A convenção dos nanicos Partido Humanista da Solidariedade (PHS)e Partido Republicano Progressista (PRP) atraiu ontem à Assembleia Legislativa quatro pré-candidatos a prefeito da capital paulista. O deputado federal Gabriel Chalita (PMDB), o ex-deputado Celso Russomanno (PRB), o vereador Netinho de Paula (PC do B) e Soninha Francine (PPS) foram à Casa tentar o apoio da coligação.

FELIPE FRAZÃO, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2012 | 03h03

Os pré-candidatos foram convidados a discursar mas somente Russomanno e Chalita falaram. Soninha, que voltava de uma viagem, chegou quando a convenção já havia terminado. Cumprimentou a direção do PHS e avisou, na saída: "Ainda estamos em paquera."

Netinho de Paula acabou criando um clima de mal estar com os dois partidos. Ele aguardava para discursar enquanto Russomanno falava, mas deixou o local repentinamente.

A direção da coligação entre PHS e PRP apresentou aos pré-candidatos uma carta com exigências para o apoio. Pedem, entre outros itens, que o candidato se comprometa a exercer os quatro anos de mandato, que renegocie a dívida da cidade com a União e que trate com igualdade todas as religiões e cultos. A Chalita pediram ainda dois cargos na coordenação do programa de governo.

"A minha opinião é: quem participa da eleição deve participar da composição do governo também. Com pessoas competentes", disse Russomanno.

Sem nenhum representante na Câmara Municipal, PHS e PRP terão 110 candidatos a vereador. As legendas têm apenas um deputado federal cada, o que não deve agregar tempo significativo de horário eleitoral gratuito na TV.

Apesar do assédio, o presidente nacional do PHS, Paulo Roberto Matos, deixou claro que as conversas estão mais adiantadas com o PMDB de Chalita. O presidente municipal do PHS, Laercio Lopes, quer ajuda com estrutura partidária aos candidatos a vereador da coligação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.