Chalita só aceita aliança em que seja cabeça de chapa

O deputado federal Gabriel Chalita (PMDB), pré-candidato à Prefeitura de São Paulo, rechaçou ontem a formação de uma aliança para outubro que tenha o vereador Netinho de Paula (PC do B) ou o ex-deputado Celso Russomanno (PRB) como cabeça de chapa.

O Estado de S.Paulo

27 de abril de 2012 | 03h01

Ele disse não aceitar "de jeito nenhum" um acordo que tenha como critério a intenção de voto ou popularidade detectada por pesquisa eleitoral durante as convenções (em junho). É que, por esse critério, o peemedebista teria, nas condições de hoje, de retirar sua candidatura em favor de um dos outros dois, já que seu nome é menos conhecido pelo eleitorado paulistano.

"A candidatura do PMDB já foi decidida. Não tem lógica nenhuma (voltar atrás)", disse Chalita. "Não pode ter um critério desse de pesquisa. O Russomanno disputou eleição para governador e o Netinho, para o Senado." Os dois pretendem procurar o vice-presidente Michel Temer (PMDB) na semana que vem, para propor a união. / FELIPE FRAZÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.