André Dusek/Estadão
André Dusek/Estadão
Imagem João Domingos
Colunista
João Domingos
Conteúdo Exclusivo para Assinante

Cenário: Dilma planeja reaproximação com segmento produtivo

Presidente quer incentivar presença da indústria no comércio exterior

João Domingos, O Estado de S.Paulo

29 de julho de 2014 | 02h01

Enquanto parte para o embate com o mercado financeiro e com as "especulações inadmissíveis" às vésperas da eleição, a presidente Dilma Rousseff quer se reaproximar do setor empresarial. Para tanto, planeja um encontro com industriais para mostrar um plano de crescimento do setor em eventual novo mandato.

Dilma pretende dizer aos empresários que incentivará maior participação da indústria no comércio exterior, com o aumento das exportações de manufaturados e de bens de consumo. No atual mandato, esse setor perdeu espaço na economia e hoje um dos carros-chefe da balança comercial é o agronegócio. Para o diálogo nessa área, ela conta com a senadora Kátia Abreu (TO), presidente da Confederação Nacional da Agricultura, que era do DEM e está no PMDB.

Um dos gestos de aproximação de Dilma com o setor ocorrerá amanhã, na Confederação Nacional da Indústria. Ela participará do "Diálogo da indústria com candidatos à Presidência". A CNI também ouvirá Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB).

Tudo o que sabemos sobre:
eleições

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.