Candidato a vereador é assassinado em Nova Iguaçu

Mauro Miranda da Rocha é morto com três tiros quando estava em uma padaria

Fábio Grellet, O Estado de S.Paulo

01 de outubro de 2020 | 19h25

RIO – Mauro Miranda da Rocha, de 41 anos, candidato a vereador pelo PTC em Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, foi assassinado a tiros nesta quinta-feira, 30, quando estava em uma padaria no bairro do Rancho Fundo.

Segundo a Polícia Militar, Rocha estava com dois amigos, identificados como Wagner, de 39 anos, e Edinaldo, de 40, quando homens entraram no estabelecimento, atiraram e conseguiram fugir. Até a noite desta quinta-feira, não havia informações sobre a identidade dos atiradores.

Para Entender

Quem são os candidatos a prefeito do Rio nas eleições 2020

Eduardo Paes e Marcelo Crivella lideram a disputa pela prefeitura do Rio de Janeiro; confira lista completa e conheça todos os nomes na corrida

As três vítimas foram socorridas e levadas ao Hospital Geral de Nova Iguaçu, mas o candidato a vereador, atingido na cabeça, no peito e em um dos braços, não resistiu aos ferimentos e morreu. Os amigos de Rocha tiveram ferimentos nas pernas. Um deles já foi liberado do hospital e o outro seguia internado, na noite desta quinta-feira, com uma fratura na tíbia.

A polícia ainda não sabe se o crime tem ligação com o fato de Rocha ser candidato a vereador.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.