'Campanha de Marta é maquiavélica e mentirosa', diz Kassab

Em entrevista à rádio Eldorado, candidato do DEM demonstrou satisfação com resultado da pesquisa Ibope

Andréia Sadi, do estadao.com.br

23 de outubro de 2008 | 19h39

O candidato do DEM,  Gilberto Kassab , acusou nesta quinta-feira, 23, a campanha de sua adversária  Marta Suplicy (PT) de "maquiavélica" e disse que quem ficou ofendido com a peça publicitária que questionava a sua vida pessoal foi a cidade. "Quem ficou ofendido foi a cidade, foi uma campanha maquiavélica, maldosa e mentirosa, volto a dizer", afirmou o atual prefeito  à rádio Eldorado.  Na entrevista, que também foi transmitida pela TV Estadão, Kassab disse que a campanha da adversária foi marcada por baixarias desde o primeiro turno. Veja também:Assista ao vídeo com a entrevista de Kassab ao Jornal Eldorado Analista político comenta o resultado da pesquisa Ibope  Marta cai e Kassab amplia 17 pontos de vantagem sobre petistaA quatro dias da eleição, Gabeira e Paes mantêm empate no Rio Especial: Perfil dos candidatos em São Paulo  'Eu prometo' traz as promessas dos candidatos Geografia do voto: Desempenho dos partidos nas cidades brasileiras Geografia do voto: Desempenho dos partidos nas cidades brasileiras Confira o resultado eleitoral nas capitais do País   Ele voltou a comentar o direito de resposta concedido pela Justiça por conta da propaganda da petista. "Ela foi condenada pela Justiça, ela realmente mostrou que a sua campanha não tinha compromisso com as propostas da cidade". Kassab acumulou decisões favoráveis da Justiça Eleitoral e já havia obtido direito de resposta semelhante em outras representações contra Marta.  O candidato mostrou-se satisfeito com o resultado da pesquisa Ibope divulgada na última quarta-feira. "Estou muito feliz com a diferença mostrada nas pesquisas".   

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.