Cai liminar e Dilma volta a aparecer no programa do PMDB

A campanha de Gabriel Chalita conseguiu ontem cassar a liminar obtida pelo PT que impedia o uso da imagem da presidente Dilma Rousseff na propaganda eleitoral do peemedebista. O juiz Manoel Luiz Ribeiro, que na sexta-feira classificou a aparição de Dilma no programa de Chalita como "manobra" para confundir o eleitor, reconsiderou a decisão. No novo entendimento, Ribeiro disse que a exibição de imagens da presidente ao lado do candidato não traduz apoio e, portanto, não deve ser impedida, desde que não induzir essa ideia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.