Marcos Corrêa/PR
Marcos Corrêa/PR

Bolsonaro diz que não vai participar do primeiro turno das eleições municipais

Presidente, que vem sendo pressionado por aliados, afirmou ainda que tem dialogado com partidos políticos sobre filiação

Julia Lindner, O Estado de S.Paulo

28 de agosto de 2020 | 10h52

BRASÍLIA - O presidente Jair Bolsonaro afirmou, pelo Twitter, que não vai se envolver nas eleições municipais deste ano, pelo menos no primeiro turno, sob a justificativa de que vai focar no trabalho de governo durante a pandemia do novo coronavírus e na retomada econômica. Bolsonaro admitiu que tem dialogado com partidos políticos para uma possível filiação, mas que a decisão só deve ocorrer em 2021. Esta semana, o presidente se reuniu com integrantes do PSL, partido pelo qual foi eleito presidente e com o qual rompeu no ano passado, para tratar do assunto.

"Decidi não participar, no 1° turno, nas eleições para prefeitos em todo o Brasil. Tenho muito trabalho na Presidência e, tal atividade, tomaria todo meu tempo num momento de pandemia e retomada da nossa economia", disse Bolsonaro na rede social.

Como mostrou o Estadãoaliados vêm pressionando o presidente a apoiá-los.  A orientação da equipe presidencial é ter atenção redobrada com o que chamam de “oportunistas eleitorais”, evitando que Bolsonaro apareça em fotos e vídeos que possam ser apresentados à população como um endosso a determinado candidato. Por outro lado, o presidente, que já mira uma reeleição, não pode correr o risco de desagradar a apoiadores.

O presidente afirmou que ainda não desistiu completamente de viabilizar a legenda Aliança pelo Brasil, mas que busca outras siglas como alternativa para o caso de que isso não se concretize a tempo. "Continuamos [a] viabilizar a criação do Aliança. Em comum acordo tenho conversado com 3 outros partidos para o caso de não se concretizar a tempo o Aliança", disse. "Nessa segunda hipótese, de ambos os lados, se impõem condições para essa filiação. Isso também decidi que somente poderia acontecer em 2021."

Por fim, Bolsonaro desejou "boa sorte a todos os candidatos e, principalmente, aos eleitores nessas escolhas" nas eleições em novembro.

 

Tudo o que sabemos sobre:
Jair Bolsonaroeleições 2020

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.