Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Ato a favor da candidatura de Lula bloqueia Esplanada em Brasília

Por ter sido condenado em segunda instância por um órgão colegiado da Justiça, ex-presidente está impedido de concorrer pela Lei da Ficha Limpa

André Borges, O Estado de S.Paulo

15 de agosto de 2018 | 15h38

BRASÍLIA - Milhares de manifestantes bloqueiam um dos eixos da Esplanada dos Ministérios na tarde desta quarta-feira, 15, em mobilização a favor da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, condenado e preso pela Operação Lava Jato pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

A polícia fechou parte dos acessos à esplanada e monitora o movimento. Um cordão de manifestantes do Movimento dos Trabalhadores Sem-Terra (MST) segue à frente do ato. Por ter sido condenado em segunda instância por um órgão colegiado da Justiça, o TRF-4, Lula está impedido de concorrer pela Lei da Ficha Limpa.

Entre as milhares de pessoas está o senhor Cícero Ezequiel, de 61 anos, em greve de fome há 12 dias Ezequiel é levado em uma rede pelos amigos por estar muito debilitado. "Estou nessas condições por conta da fraqueza, mas seguiremos mobilizados até que Lula seja presidente", disse. 

A manifestação deve seguir até a frente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Segundo a Polícia Militar, até ontem, havia cerca de 4 mil manifestantes acampados em uma área próxima ao Estádio Mané Garrincha

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.