Após reunião, PMDB fecha acordo com o PT em seis cidades

Lideranças dos partidos acertaram que Lula e Dilma não participarão da disputa em Natal (RN)

Daiene Cardoso, da Agência Estado

11 de outubro de 2012 | 19h53

Após reunião entre as direções do PT e do PMDB em São Paulo, os peemedebistas conseguiram garantir a participação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e da presidente Dilma Rousseff nas campanhas de TV dos candidatos do partido em Guarujá e Sorocaba (SP), Florianópolis (SC), Volta Redonda (RJ) e Campina Grande (PB). No encontro entre o vice-presidente da República, Michel Temer, presidente licenciado da sigla, e o presidente nacional do PT, deputado Rui Falcão, ficou acertado que Lula e Dilma não participarão da disputa em Natal (RN), como queria o PMDB.

Os dois partidos não conseguiram chegar a um acordo sobre Mauá (SP), onde a candidata do PMDB Vanessa Damo disputa o segundo turno contra o petista Donisete Braga. Assim como em Natal, a sigla de Temer queria a neutralidade de Lula e Dilma mas, devido à resistência do PT, os peemedebistas avaliam se ainda vale insistir em incluir Mauá no acordo. O PMDB espera que o embate entre Vanessa e Braga aconteça em igualdade de condições e tenha um "nível equilibrado" entre os candidatos.

O encontro entre Temer e Falcão foi acompanhado pelo presidente nacional do PMDB, senador Valdir Raupp (RO), e aconteceu longe do assédio da imprensa. Pela manhã, Temer participou do anúncio, em seu escritório na zona oeste da cidade, de apoio do PMDB à candidatura do petista Fernando Haddad.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições 2012segundo turnoPMDBPT

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.