Após pesquisas, Haddad mostra confiança em ida ao 2º turno

Candidato caminhou da rua Augusta até a Praça Roosevelt acompanhado de sua mulher e do candidato a vice, Gabriel Chalita

Julianna Granjeia, O Estado de S.Paulo

01 de outubro de 2016 | 22h00

Candidato à reeleição, o prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) foi até seu comitê não-oficial de campanha na rua Augusta, no centro da capital paulista, após a divulgação dos resultados das últimas pesquisas eleitorais – no Ibope, Haddad aparece em quarto lugar, enquanto no Datafolha o petista aparece empatado em segundo lugar com Celso Russomanno. Militantes faziam festa no local. 

Acompanhado por sua mulher e por Gabriel Chalita, candidato à vice-prefeitura, Haddad caminhou ao lado de dezenas de manifestantes pela rua Augusta até a Praça Roosevelt. Durante o percurso, o prefeito afirmou que está confiante em ir ao segundo turno, contra João Doria, do PSDB. 

"Doria não teve nenhum tipo de contestação até agora. Ele correu sozinho, e por isso está na frente", afirmou o petista. "Quando for no mano a mano, é projeto contra projeto. E aí o nosso tem vantagem." Haddad disse ainda que sofreu um cerco grande da imprensa e que agora a periferia está conhecendo o que foi feito durante sua gestão. "A periferia está acordando agora", disse o candidato.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.