Apoio de DEM e PV a Serra não exigirá vice

O DEM reiterou ontem que o apoio a José Serra (PSDB) em São Paulo não implica a garantia de ocupar a vice na chapa do tucano. A coligação na capital está vinculada a uma aliança com o PSDB na disputa pela Prefeitura de Salvador, mas o próprio pré-candidato do DEM, deputado federal ACM Neto, admitiu que o acordo com os tucanos precisa ser consolidado, "provavelmente na semana que vem", disse. O presidente da executiva estadual do DEM em São Paulo, Jorge Tadeu Mudalen, declarou que o DEM "não abre mão (da indicação do vice), mas deixamos o Serra à vontade".

DÉBORA ÁLVARES, O Estado de S.Paulo

11 de maio de 2012 | 03h01

O PV formalizou a aliança com Serra. As lideranças verdes afirmaram que a adesão não está condicionada a receber o posto de vice, nem cargos num eventual governo, apesar de Serra cogitar escolher o secretário municipal do Verde e do Meio Ambiente, Eduardo Jorge (PV), para a vice, e de ter dito que conta com o PV na administração, caso eleito. / COLABOROU FELIPE FRAZÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.