ANP e ministro confirmam leilão de megacampo

A Agência Nacional do Petróleo e o Ministério de Minas e Energia confirmaram nesta segunda-feira, 9, a realização do primeiro leilão do pré-sal em 21 de outubro. O governo precisa dos R$ 15 bilhões de bônus de assinatura do prospecto gigante do Campo de Libra, no pré-sal da Bacia de Santos, para fechar as contas de 2013. "O leilão está confirmado e vai acontecer", disse a diretora-geral da ANP, Magda Chambriard, no Rio. Pouco antes, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, afirmou que não havia chance de informações confidenciais sobre o leilão terem vazado.

Sabrina Valle / RIO, O Estado de S.Paulo

10 de setembro de 2013 | 02h09

A agência reguladora informou que os dados sobre o prospecto de Libra já estão disponíveis a todas as empresas interessadas, não havendo mais dados sigilosos a serem espionados.

Mais conteúdo sobre:
PetrobrásDilmaLeilãoPré-sal

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.