Andressa Mendonça pode voltar a visitar Cachoeira

O Tribunal Regional Federal da 1.ª Região (TRF-1) autorizou o retorno das visitas de Andressa Mendonça ao companheiro, Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso há mais de seis meses na Penitenciária da Papuda em Brasília.

BRASÍLIA, O Estado de S.Paulo

18 de setembro de 2012 | 03h09

A desembargadora federal Mônica Sifuentes, que também compõe a Turma, salientou - e os demais concordaram - que a visita íntima é direito do preso e que este não lhe pode ser retirado

Contudo, Andressa continua impedida de manter contato com outros réus da Operação Monte Carlo, que investigou o esquema de jogos comandado por Cachoeira em Goiânia.

O tribunal julgou ainda recurso da defesa de Andressa, suspeita de chantagear o juiz Alderico Rocha Santos para que ele revogasse a prisão do marido. Foi-lhe dado habeas corpus para que tenha acesso ao Fórum da Justiça Federal de GO.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.