'Algumas pessoas não gostam de mim, tenho de tomar cuidado'

Sem mencionar a crise política, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez ontem uma referência indireta a seu embate com o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), ao proferir palestra no 5º Fórum Ministerial de Desenvolvimento. "Vocês sabem que tem muita gente que gosta de mim, mas tem algumas pessoas que não gostam. Eu tenho de tomar cuidado contra essas", disse, provocando risos da plateia. "São minoria, mas estão aí no pedaço." Lula insinuou que existem intrigas contra ele e disse querer evitar "dissabores". Não citou, porém, o atrito com Mendes. "Vou falar em pé porque senão podem dizer que estou doente'", afirmou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.