Alckmin defende aliança onde PSDB não tem nome forte

O governador Geraldo Alckmin afirmou ontem que os diretórios municipais decidirão os candidatos na eleição de 2012. "Tem cidade em que o PSDB tem candidato forte, vai lançar o candidato e vai buscar aliança. Tem cidades em que o PSDB pode não ter candidatos fortes. Vai apoiar outros partidos", disse ao comentar matéria do Estado.

O Estado de S.Paulo

15 de novembro de 2011 | 03h02

Em nota, o PSDB afirmou que a "costura" de alianças não significa "o sacrifício de candidaturas tucanas" e que a prioridade de Alckmin é governar o Estado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.