Aécio falta a sessão de 'esforço concentrado' no Senado

Tucano passa o dia em reuniões de campanha e deixa de participar de votações no Congresso antes de se licenciar do cargo

Pedro Venceslau, O Estado de S. Paulo

16 de julho de 2014 | 13h43

Candidato à Presidência pelo PSDB, o senador Aécio Neves (MG) faltou nesta terça-feira, 15, ao primeiro dia de esforço concentrado do Senado antes do recesso branco. O tucano passou o dia em São Paulo em reuniões internas com a equipe de comunicação de sua campanha.

Aécio só volta à Brasília no fim da tarde desta quarta-feira, 16, e ficará menos de 24 horas na capital federal. A intenção do tucano é pedir licença do Senado na primeira semana de agosto.

O Plenário do Senado aprovou na terça-feira cinco autorizações para contratação de crédito externo pelos Estados. O presidente da Casa, senador Renan Calheiros (PMDB-AL), afirmou que até o fim das eleições, em outubro, serão convocadas sessões deliberativas apenas nos dias 5 e 6 de agosto. Nessas datas, Aécio já deve estar licenciado do mandato.

Tudo o que sabemos sobre:
Eleições, Aécio Neves, Senado

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.