Aécio e Marina devem se encontrar em SP nesta sexta

Encontro será o primeiro desde que a ex-ministra anunciou o apoio formal à candidatura do tucano; expectativa é de que Marina aceite gravar imagens para o programa de TV ao lado de Aécio

Ana Fernandes e Elizabeth Lopes, O Estado de S. Paulo

16 de outubro de 2014 | 12h08

São Paulo - A ex-ministra Marina Silva (PSB) deve ter nesta sexta-feira, 17, seu primeiro encontro oficial com o candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB), após ter formalizado apoio ao tucano no domingo, 12. Segundo o deputado licenciado, Walter Feldman, que coordenou a campanha de Marina no primeiro turno, o encontro está previsto para as 10 horas no Espaço do Bosque, local onde a candidata realizou diversos eventos de campanha, na zona oeste de São Paulo.

Ainda de acordo com Feldman, antes da aparição pública os dois falarão reservadamente para tratar dos formatos de apoio que Marina pode prestar a Aécio. Nos bastidores, diz-se que Marina aceita gravar para o programa de TV do candidato do PSDB (o próprio evento de sexta deve ser usado na geração de imagens), mas resistiria a participar de atos de campanha ou subir em palanques. Feldman, que vem sendo um interlocutor importante da ex-ministra com os tucanos, evitou adiantar um posicionamento de Marina, mas disse que ela está disposta a dar "todo apoio que for necessário".

A campanha do tucano, por sua vez, aposta no efeito eleitoral da exposição do apoio de Marina. Aécio adiou a agenda que tinha programada para sexta em Belo Horizonte para priorizar o encontro com a ex-ministra. As imagens do tucano ao lado de Marina são neste momento uma aposta da campanha tucana para tentar abrir vantagem sobre a adversária Dilma Rousseff (PT). Nessa quarta, Ibope e Datafolha mostraram estabilidade na disputa de segundo turno, com Aécio e Dilma mantendo o empate técnico de 51% a 49% e frustrando a expectativa da equipe de Aécio, que esperava vê-lo deslocar da petista.

Tudo o que sabemos sobre:
EleiçõesAecio NevesMarina Silva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.