ACM Neto é reeleito em Salvador com mais de 70% dos votos

Com uma aliança formada por 14 partidos, o atual prefeito derrotou a candidata do governo estadual, a deputada Alice Portugal, do PCdoB, que obteve 15%

Heliana Frazão, especial para o Estado, O Estado de S.Paulo

02 de outubro de 2016 | 20h01

SALVADOR - As urnas confirmaram o que vinham atestando as pesquisas de opinião, o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), foi reeleito com mais de 70% dos votos. Com ele, se elegeu para vice, o deputado estadual Bruno Reis (PMDB), amigo pessoal, ex-assessor e ex-secretário do prefeito.

Contando com o respaldo de uma ampla aliança formada por 14 partidos, Neto derrotou a candidata do governo estadual, a deputada Alice Portugal (PCdoB), que tinha o apoio do PT, mas obteve apenas 15% dos votos.  A expectativa é que ACM Neto com essa eleição pavimente uma nova campanha daqui a dois anos para o governo estadual, embora ele negue o fato, atribuindo a “especulações”.

Em terceiro lugar, ficou o Pastor Sargento Isidório (PDT) com 8%,seguido por Cláudio Silva (PP), com 1,5%, e Fábio Nogueira (PSOL), com 1%. A vice do atual mandato de Neto, que também lançou candidatura após romper com o prefeito, Célia Sacramento (PPL), juntamente com o candidato Da Luz (PRTB) ficaram abaixo de 1%.

Logo após o resultado, ao lado de familiares, amigos e correligionários, o prefeito reeleito agradeceu o aval da maioria da população, que lhe deu a vitória em primeiro turno. “Muito obrigado, a cada um que reconheceu a nossa luta e confiou no nosso projeto”, disse o democrata, que prometeu manter o mesmo ritmo de trabalho que imprimiu no primeiro mandato. “Agora eu posso garantir que eu vou procurar aperfeiçoar ainda mais o meu governo. Saio deste domingo com um peso ainda maior de responsabilidade nas minhas costas. Tenho consciência disso, vou trabalhar muito para honrar cada voto que recebi”, prometeu.

Já Alice Portugal atribuiu a vitória de Neto ao poder econômico do prefeito. Na opinião dela, foi a “campanha do tostão contra o milhão". 

A gestão de ACM Neto tem recebido elevados índices de aceitação popular, acima de 80%, já tendo sido apontado por pesquisas nacionais como o prefeito mais bem avaliado entre as principais capitais do país. 

Talvez por esse motivo a campanha na capital baiana transcorreu em clima de tranquilidade e até um certo marasmo. Nem mesmo as tradicionais críticas de adversários chegaram a abalar o favoritismo do democrata, que se deu ao luxo de somente participar do último debate promovido por emissoras de televisão, exatamente o da TV Bahia, afiliada da Rede Globo, de propriedade de sua família.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.