Em São Paulo, Marta e Netinho lideram sozinhos corrida por vagas ao Senado

Jose Roberto de Toledo

10 de setembro de 2010 | 21h28

Na disputa pelas duas vagas paulistas no Senado, Marta Suplicy (PT) e Netinho de Paula (PC do B) seriam eleitos, se o pleito fosse hoje. Segundo o Ibope, ela continua com 36%, enquanto ele cresceu de 26% para 33% na última semana.

Aloysio Nunes (PSDB) também cresceu, de 12% para 16%, e agora está empatado em terceiro lugar com Romeu Tuma (PTB), que passou de 13% para 16%, a despeito de seus problemas de saúde.

Essa foi a primeira pesquisa feita após a retirada da candidatura de Orestes Quércia (PMDB). Ele tinha 23% na pesquisa da semana passada. Aparentemente, seus eleitores se dispersaram entre Netinho, Aloysio e Tuma, ou estão sem candidato.

Ciro (PTC) oscilou de 7% para 9%, Moacyr Franco (PSL) foi de 5% para 4%, Ricardo Young (PV) e Ana Liz (PSTU) continuam, ambos, com 2%. Além desses, Dirceu Travesso (PSTU), Marcelo Henrique (PSOL) e Serpa (PSB) têm 1%.

A corrida ao Senado ainda está aberta, pois nada menos do que 33% dos eleitores se dizem indecisos, outros 19% citam apenas um candidato e o percentual dos que anulariam ou votariam em branco chega a 25%.

Tudo o que sabemos sobre:

2010eleiçãoibopepesquisaSP

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.