As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

TRE-MT decreta inelegibilidade de deputado federal envolvido no processo do mensalão

Camila Tuchlinski

20 Julho 2010 | 15h34

Fátima Lessa, de Cuiabá (MT)

O TRE-MT decretou a inelegibilidade do deputado Pedro Henry (PP) que tentava a reeleição. Com a decisão, ele fica proibido de disputar pleitos pelos próximos três anos. Cabe recurso ao Tribunal Superior Elelitoral (TSE).  A causa da decretação na inelegibilidade foi por configuração de abuso de poder econômico e utilização indevida de veículo de comunicação nas eleições de 2008. Não é o primeiro processo no qual ele é condenado.

Um dos 40 réus no processo do mensalão, Henry recorreu ao TSE em 2008 contra a cassação de seu mandato.  O parlamentar foi condenado pelo Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso, em novembro de 2007, por abuso de poder econômico, corrupção, fraude e compra de voto mediante a entrega de cobertores, propaganda irregular e uso da máquina administrativa nas eleições de 2006.

selinho_twitter2