‘Temos 14 milhões de empregos criados para vencer o medo’, afirma Dilma
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

‘Temos 14 milhões de empregos criados para vencer o medo’, afirma Dilma

Ricardo Chapola

28 Julho 2010 | 14h22

Rodrigo Alvares , de Natal (RN)

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, disse nesta quarta-feira, 28, durante evento da Sociedade Brasileira para Progresso da Ciência (SBPC), que o País “tem 14 milhões de empregos criados para vencer o medo outra vez”. “Somos capazes não só de vencer o medo, mas também de construir a esperança”. Dilma ressaltou seu papel na gestão do governo Lula. “Eu também represento a volta da auto-estima do brasileiro nele mesmo. Hoje todos sabem do que somos capazes.”

Leia também:

No Rio Grande do Norte, Dilma afirma que “tática do medo de Serra é risível”

Em visita à universidade do RN, Dilma é recebida por manifestação do MST 

Foto Roberto Stuckert Filho/divulgação
Foto: Roberto Stuckert Filho/divulgação

 A presidenciável não deixou também de criticar de forma velada a oposição. “Tem uns que dizem em fazer tudo sozinhos, eu digo que faço tudo em equipe. O que vai servir na minha equipe é essa visão de seguimento do governo Lula.”

Dilma expôs seus planos para um eventual governo, focando-se na educação. “O professor brasileiro tem de mudar o seu status social. Sem salário digno, não há status social. Não há milagre nessa área”. A petista apontou que o Brasil pede melhorias no setor, mas que só exigências não resolvem os problemas. “Queremos uma educação melhor. Precisamos pagar melhor os professores. O Brasil pode e tem de exigir professores de qualidade, mas não basta exigir, temos de dar condições para isso”.

Ao levantar as debilidades da educação brasileira, Dilma lançou promessas de criação de bolsas.”Vamos ampliar o financiamento das bolsas de estudo aqui e para o exterior”.

A petista mencionou também a questão do investimento em centros de tecnologia no País. Dilma enfatizou que pretende fortalecer a Embrapa, INPE e o Centro de Tecnologia do Exército. Além disso, prometeu a implantação de 450 centros tecnológicos.

A candidata aproveitou para articular suas propostas na área com problemas enfrentados no País, cujas soluções seriam mais fáceis com o auxílio da tecnologia. Disse que pretende lutar pela independência do Brasil na produção de energia nuclear limpa e desenvolver tecnologia para satélites para monitorar o desmatamento na Amazônia.

selinho_twitter2

Mais conteúdo sobre:

Dilma RousseffdiscursoNatalRN