Temer confirma saída de Luiz Sérgio do governo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Temer confirma saída de Luiz Sérgio do governo

Lilian Venturini

10 de junho de 2011 | 11h37

Tânia Monteiro, de O Estado de S. Paulo

O vice-presidente da República, Michel Temer (PMDB-SP), disse ao Estado na manhã desta sexta-feira, 10, que o ministro de Relações Institucionais, Luiz Sérgio, deixará mesmo o governo. Segundo Temer, após encontro com a presidente Dilma Rousseff na noite desta quinta-feira, 9, ele saiu com a certeza da saída do ministro do cargo, responsável pela articulação política do governo.

Ainda de acordo com o vice-presidente, Dilma informou que “está estudando nomes” para substituir Luiz Sérgio e refazer a articulação do Planalto. Temer disse que o nome da ministra da Pesca, Ideli Salvatti (PT-SC), “é um nome forte” para a substituição. Sobre a participação dele na articulação, o vice afirmou que “sempre vai colaborar na coordenação, com naturalidade”. Acrescentou: “Não precisa pedir, sempre ajudo”.

Humilhado com o processo sucessório deflagrado “antes da hora” por seus próprios companheiros de partido na Câmara, o chamado ministro “por enquanto” deve se encontrar ainda nesta sexta com a presidente Dilma Rousseff. Mas o encontro ainda não foi marcado, segundo assessores. Nesta manhã, a presidente participa de evento no Grupamento
dos Fuzileiros Navais. Luiz Sérgio irritou-se com o vazamento das notícias sobre sua saída. Ele informou, por meio de assessores, que não se demitiu, mas também não tem apego a cargo e nem sabe se fica ou sai.

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: