Suplicy irrita PT com prévias, mas ganha cortejo do PSOL
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Suplicy irrita PT com prévias, mas ganha cortejo do PSOL

Lilian Venturini

22 de julho de 2011 | 08h03

Roldão Arruda, de O Estado de S. Paulo

O senador Eduardo Suplicy (PT-SP) voltou a irritar a cúpula petista no Estado ao defender  a realização de prévias para a escolha do candidato à Prefeitura de São Paulo, em 2012. Mas, por outro lado, ele atraiu  a atenção do PSOL. O deputado federal Ivan Valente (PSOL-SP) convidou-o a se filiar ao partido. Argumentou que  seria melhor acolhido entre os socialistas do que entre petistas.

“Ele me disse que o PSOL tem muita afinidade com minhas posições éticas”, contou o senador. O deputado confirmou: “O Suplicy tem sido sistematicamente rejeitado no PT, mas seria bem vindo ao PSOL. Ele sempre foi muito solidário conosco no debate político nacional.”

O senador não pensa em se delisgar do PT, que ajudou a fundar e ao qual está filiado há 31 anos. Mesmo assim, antes de encerr ar a conversa, não deixou de perguntar ao deputado se o PSOL apoiaria sua aspiração política atual, que é a candidatura à Prefeitura de São Paulo. A resposta foi rápida: o senador teria que se submeter às previas do partido, mesmo estilo que defende para o PT.

 

Tudo o que sabemos sobre:

eleições 2012préviasPSOLPTSuplicy

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.