As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Serra participa de jantar com Ronaldo, FHC, André Sanchez e jogadores do Corinthians

Bruno Siffredi

30 Julho 2010 | 10h25

SerraRonaldo_Reproducao.jpg

Bruno Siffredi

O candidato do PSDB à Presidência, José Serra, postou em seu Twitter fotos de um jantar na casa do atacante Ronaldo, que ocorreu nesta quinta-feira, 29, em São Paulo. Em mensagem no microblog, Serra escreveu: “Jantar agradável na casa do Ronaldo e da Bia. Estavam os craques Paulo André, Edu, Roberto Carlos, Elias, William.”

Serra indicou na mensagem seguinte que também estavam presentes no jantar o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso (PSDB), o presidente do Corinthians, André Sanchez, e o ex-jogador e candidato a deputado federal Vampeta (PTB).

Em seguida, o tucano lembrou a sua preferência pelo arquirrival do clube alvinegro. “Incrível: entre umas 25 pessoas presentes ao jantar do Ronaldo, eu era o único palmeirense…”, escreveu Serra.

Encontro informal. Por sua vez, Ronaldo esclareceu nesta sexta-feira, 30, em seu Twitter que o encontro não significa apoio formal à candidatura de Serra e disse que pretende encontrar também os outros candidatos à Presidência.

“Pra ficar claro, não é apoio político. Eu e meus companheiros no Corinthians só demos sugestões para políticas públicas de apoio ao esporte”, escreveu o atacante. “Faremos isso com outros candidatos também.”

Relembre. Em 2006, durante a Copa do Mundo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou de uma conversa com a seleção brasileira por videoconferência. Na ocasião, o presidente perguntou sobre o peso do atacante Ronaldo, fato que acabou ocasionando uma troca de farpas entre o jogador e o presidente. “Vira e mexe a gente lê aqui na imprensa brasileira que o Ronaldo está gordo. Afinal de contas, ele está gordo ou não está gordo?”, perguntou Lula.

Ronaldo, que não participou do encontro por videoconferência, respondeu ao presidente em seguida e também teceu críticas ao tratamento recebido pela imprensa brasileira. “Meu currículo na seleção merece mais respeito. Estou chateado com as especulações”, disse o atacante. Sobre a frase de Lula, o Fenômeno disse que “também queria perguntar muita coisa para o presidente”. “O presidente também deve ter entrado na onda da imprensa.”

selinho_twitter2

Mais conteúdo sobre:

FHCRonaldoSerraVampeta