As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Segundo edital tem 521 impugnações, 16 em razão do Ficha Limpa

Camila Tuchlinski

26 Julho 2010 | 18h18

A Procuradoria Regional Eleitoral em São Paulo (PRE-SP) impugnou mais 521 pedidos de registro de candidaturas, sendo 16 em razão da Lei Ficha Limpa (veja lista abaixo). Os dados se referem ao segundo edital de candidatos, que tinha 805 pedidos de registro e foi publicado pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) no dia 20 de julho. A Procuradoria ainda pediu diligência em 255 registros de candidaturas.

Enquanto no primeiro edital apenas postulantes à Câmara dos Deputados e à Assembleia Legislativa foram impugnados em razão do Ficha Limpa, desta vez um candidato a vice-governador, Aldo Josias dos Santos (PSOL), apareceu na lista.

Ao todo a PRE-SP fez pedidos de diligência em 484 registros de candidaturas e impugnou outros 802 registros – 31 em razão do Ficha Limpa (dados do 1º e 2º editais, que somados têm 1510 pedidos de registro de candidatura).

Novamente, a grande maioria dos pedidos de registro de candidatura foi impugnada pela PRE-SP pela falta de alguns dos documentos exigidos pela legislação eleitoral, como certidões criminais. O segundo edital continha os pedidos de candidatura para senador, deputado federal, deputado estadual e governador das coligações PSDB/DEM/PPS e Unido por SP, e dos partidos PCB, PTC, PC do B, PSOL, PTN e PSL.

Consulta

As manifestações nos processos de candidatura que foram impugnadas e as que foram requeridas diligências pelo Ministério Público Eleitoral em São Paulo estão sendo disponibilizadas no próprio site da PRE-SP.

selinho_twitter2

Mais conteúdo sobre:

impugnaçõesSPTRE