Pastor Everaldo condena ‘desrespeito’ de declarações de Fidelix
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pastor Everaldo condena ‘desrespeito’ de declarações de Fidelix

Pastor, que também não é favorável às pautas LGBT, afirmou que 'opiniões divergentes devem ser encaradas com naturalidade, mas sem desrespeito'

Redação

30 de setembro de 2014 | 18h11

Por Roldão Arruda

Embora seja contrário às reivindicações dos gays sobre a legalização das uniões entre pessoas do mesmo sexo e a criminalização da homofobia, o pastor Everaldo Pereira, candidato à Presidência da República pelo PSC, criticou nesta terça-feira, 30, o tom das declarações feitas por Levy Fidelix sobre essas questões no debate da TV Record.

O presidenciável Pastor Everaldo (PSC) abriu hoje a série de sabatinas de O Globo no Museu de Arte do Rio (MAR), na Praça Mauá centro da cidade.

Na avaliação do pastor, o candidato do PRTB foi desrespeitoso. “Opiniões divergentes devem ser encaradas com naturalidade, mas sem desrespeito”, afirmou.

Em nota à imprensa, o candidato do PSC, que também é presidente do partido, criticou ainda os candidatos que não assumem posições no debate sobre os direitos reivindicados pelos gays. “Isso deve ser cobrado por toda a opinião pública”, disse.

Abaixo, a íntegra da nota:

“1 – Em um Estado Democrático de Direito todas as opiniões sobre temas relevantes da sociedade devem ser consideradas! Opiniões divergentes devem ser encaradas com naturalidade, mas sem desrespeito. Defendo, como sempre declarei, ser a favor do casamento como previsto na Constituição Brasileira, entre homem e mulher. Sou contra qualquer tipo de violência que atinja o ser humano.

2 – Sempre fui claro com as minhas posições , ao contrário de outros que não demonstram seu verdadeiro ponto de vista. Isto sim deve ser cobrado por toda opinião pública.

3 – Toda sociedade é sustentada em laços familiares fortes. A fortaleza das famílias dependem das relações heterossexuais. A civilização humana está sustentada nesses princípios.

Pastor Everaldo Pereira”

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.