As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O dia-a-dia no STF: saiba o que aconteceu em cada sessão do julgamento

Redação

14 de agosto de 2012 | 01h00

O julgamento dos réus do mensalão teve início no dia 2 de agosto e, segundo as previsões, deve durar cerca de 30 dias. O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, fez as acusações. Depois, foi a vez dos advogados defenderem os 38 acusados de fazerem parte do esquema. Agora, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) votam para definir o destino dos participantes do que é considerado o maior escândalo de corrupção da história recente brasileira.

Veja o que aconteceu em cada um dos dias de sessões no STF. Acesse também o glossário do mensalão para compreender os termos jurídicos usados pelos ministros e advogados.

1º dia: Ministros decidem não desmembrar processo

2º dia: Procurador-geral pede condenação de 36 réus

3º dia: Defesas de Delúbio e Marcos Valério negam mensalão e assumem caixa 2

4º dia: Advogados desqualificam acusação e dizem que réus eram ‘figuras menores’

5º dia: Defesas desconstroem denúncia do MP

6º dia: Advogados reforçam necessidade de julgamento técnico

7º dia: Risco de nulidade do processo do mensalão

8º dia: Defesa de Jefferson acusa Lula de ordenar o esquema e pede julgamento

9º dia: Petistas negam conhecimento de origem ilícita do dinheiro

10º diaSTF anula processo para um dos acusados

11º dia: Barbosa pede condenação de João Paulo, Marcos Valério e sócios

12º dia:  Relator vota pela absolvição de Luiz Gushiken

13º dia: Revisor segue relator e pede condenação de Marcos Valério e sócios

14º dia: Revisor rejeita denúncias de peculato e corrupção contra Cunha, Valério e sócios

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.