MST ocupa fazenda no Pontal do Paranapanema
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

MST ocupa fazenda no Pontal do Paranapanema

Lilian Venturini

07 de outubro de 2011 | 08h56

José Maria Tomazela, de O Estado de S.Paulo

Cerca de 400 integrantes do Movimento dos Sem-Terra (MST) ocuparam no início da manhã desta sexta-feira, 7, a Fazenda Nazaré, em Marabá Paulista, no Pontal do Paranapanema, extremo oeste do Estado de São Paulo. A área de 4,8 mil hectares pertence à família do ex-prefeito de Presidente Prudente, Agripino de Lima, e do ex-deputado federal Paulo Lima (PMDB-SP), atualmente na suplência do partido na Câmara dos Deputados.

Os sem-terra se deslocaram em comboios de dois grandes acampamentos na região, romperam a cerca e iniciaram a montagem de barracos sobre uma área de pastagem. De acordo com Clédson Mendes, da coordenação nacional do MST, as terras já foram consideradas devolutas pela Justiça em última instância, mas tanto o Judiciário quanto o Governo do Estado retardam o processo de assentamento das famílias. A fazenda é considerada emblemática para o MST, pois Agripino Lima é visto como inimigo da reforma agrária. A área é usada para a criação de gado de corte.

 

Tudo o que sabemos sobre:

MSTmst pontal paranapanemasem-terra

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.