As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

“Ministério do Planejamento tem funcionado mais como comitê eleitoral”, diz Sérgio Guerra

Camila Tuchlinski

22 Julho 2010 | 18h26

Rodrigo Alvares

O presidente Nacional do PSDB, Sérgio Guerra (PE), declarou há pouco que “se tiver caminho legal, vamos representar contra o ministro do Planejamento, Paulo Bernardo”, por uso da máquina pública em favor da campanha de Dilma Rousseff (PT). “O ministro tem andado muito excitado. O ministério dele tem servido mais como comitê eleitoral”, afirmou Guerra.

O portal do Ministério do Planejamento publicou e depois apagou de seu canal no YouTube a íntegra de reportagem do Jornal da Noite (Band) que foi ao ar no dia 19, na qual Paulo Bernardo critica as declarações feitas pelo vice na chapa do tucano, Índio da Costa (DEM), de que o PT é ligado às FARC e ao narcotráfico. Na matéria – que estava em destaque no site desde anteontem, Bernardo chama Índio de “idiota”. Ontem, a assessoria de imprensa da pasta declarou que a veiculação da matéria “foi um erro do estagiário”.

selinho_twitter2