As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Mínimo no Senado: Sarney deixa plenário para encontrar mulher no hospital

TANIA MARIA BARBOSA MARTIN

23 de fevereiro de 2011 | 19h53

Rosa Costa

O presidente do Senado, José Sarney, entregou há pouco o comando do plenário, onde está sendo votado o projeto de lei do salário mínimo, à primeira vice-presidente da Casa, Marta Suplicy. Sarney deixou a sessão para atender a sua mulher Marly Sarney, que em casa levou uma queda e atingiu o rosto. Segundo a assessoria do senador, há suspeita de que dona Marly fraturou o nariz. Ela foi conduzida ao Hospital Sarah Kubitschek, para onde também foi o senador.

sarney minimo_ed ferreira ae_23022011_600_1.jpg

Tudo o que sabemos sobre:

José Sarneysalário mínimoSenado

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.