As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Marco Aurélio Garcia diz que Serra fez debate ‘grosso’

Jennifer Gonzales

26 de outubro de 2010 | 02h38

 Jair Stangler

 O assessor especial da Presidência, Marco Aurélio Garcia, afirmou após o debate da TV Record, realizado nesta segunda-feira, 25, que o candidato tucano à Presidência, José Serra, fez um ‘debate grosso. “Fiquei impressionado com a agressividade no limite da falta de educação do Serra. Sinceramente. Ele é um sujeito arrogante mesmo. A tendência é sempre desqualificar. Ele não responde às perguntas. Toda a pergunta que é feita, começa a resposta pela desqualificação”, disse.

O petista afirmou que não era estratégia de Dilma acusar. “Ele que desencadeou esse processo. Se especulava se ele ia ser grosso, ou mais propositivo, eu acho que ele fez um debate grosso”, concluiu.

Outros petistas também ouvidos pela reportagem avaliaram que a petista foi bem no debate. Segundo eles, ela estava com o discurso mais organizado que no debate anterior, da Rede TV. Além disso, os petistas usaram tracking para medir a reação da audiência durante o debate. Por isso Dilma diminuiu o tom agressivo ao longo do debate e até se desculpou, ao final, por momento em que o debate não teve ‘o nível de qualificação esperado’.

Ao fim do debate, um repórter disse para o ex-ministro da Fazenda, Antonio Palocci: “O senhor não foi citado pelo candidato Serra neste debate”. Palocci respondeu: “Pois é, fiquei triste. Ele (Serra) sempre diz que eu elogiei a política econômica do Fernando Henrique”. Ao ouvir a conversa, a senadora eleita Marta Suplicy retrucou: “Palocci, você está caindo em desuso”.

(Com informações de Malu Delgado e Vera Rosa)

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: