As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Lula reclama do ‘acanhamento’ da bancada do PT na época da crise do Mensalão

Camila Tuchlinski

09 de dezembro de 2010 | 11h13

Leonencio Nossa, da Sucursal de Brasília

Apesar do clima de confraternização com a bancada federal do PT, no café da manhã realizado hoje no Palácio do Planalto, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva não hesitou em dar um puxão de orelha. Ele reclamou especialmente da atuação dos parlamentares petistas na crise de 2005, a chamada crise do Mensalão.

lula_2.jpg

Lula voltou a afirmar que o episódio de 2005 foi uma tentativa para derrubá-lo. Foto: André Dusek/AE

Segundo o líder do PT na Câmara, Fernando Ferro, que participou do café, Lula disse que na época houve um “acanhamento da bancada” em defender o governo. E pediu aos petistas que não repitam o mesmo comportamento em eventuais problemas no futuro governo. “Na dúvida, tem de defender o companheiro”, disse Lula. “Em 2005 esta bancada ficou ausente e houve em algum momento acanhamento”, afirmou.

Lula voltou a afirmar que o episódio de 2005 foi uma tentativa para derrubá-lo. Ele disse que havia uma ação política nessa direção e que a população soube responder. “O PT não pode se dividir, não pode se perder em políticas menores”, recomendou. Segundo ele, o partido unido garantirá a governabilidade e a estabilidade de Dilma Rousseff.

Mais conteúdo sobre:

LulaMensalãoPT