As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Índio da Costa volta a acusar PT de manter ligações com as Farc

Camila Tuchlinski

21 Julho 2010 | 18h38

Alfredo Junqueira, da Sucursal do Rio

O candidato a vice-presidente na chapa liderada por José Serra (PSDB), deputado federal Índio da Costa (DEM), voltou a acusar o PT de manter ligações com as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc), grupo de narcoguerrilha que atua no país vizinho desde a década de 1960. O parlamentar disse já ter enviado para mais de um milhão e meio de pessoas, via Twitter, documentos que comprovariam as relações do Partido dos Trabalhadores com as Farc.

PT pede à Justiça que condene Índio e PSDB por declarações sobre as Farc

“O PT é que está nervoso. Coloquei os documentos lá no meu Twitter e já foi retuitado para mais de um milhão e meio de pessoas”, afirmou Índio da Costa, após participar com Serra de apresentação sobre os Jogos Olímpicos de 2016, na sede do Comitê Olímpico Brasileiro, na Barra da Tijuca, zona oeste.

Questionado se o comando nacional do PSDB havia pedido para ele diminuir as críticas, Índio da Costa disse que com ele ninguém falou nada: “Comigo não”. O candidato a vice ainda informou que foi procurado por uma revista colombiana para falar sobre suas acusações de ligação entre o PT e as Farc. Índio da Costa falou sobre o assunto pela primeira vez na sexta-feira, numa entrevista para o site de campanha de Serra.

Serra e Índio seguem nesse momento para a Taquara, zona oeste do Rio, para fazer um corpo a corpo com eleitores.

selinho_twitter2

Mais conteúdo sobre:

FarcÍndio da CostaPTSerra