Gostosas para Dilma
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Gostosas para Dilma

Jennifer Gonzales

01 de novembro de 2010 | 02h02

Jair Stangler


Erica Gonsales, em auto-retrato

A presidente eleita do Brasil, Dilma Rousseff (PT), ganhou, na reta final da campanha, um apoio curioso no Facebook. Um grupo de amigos resolveu criar uma comunidade no Facebook apoiando a então candidata. Até aí, nada demais. O Facebook tem inúmeras comunidades pró e contra ela ou José Serra, do PSDB. Mas a comunidade ‘Gostosas para Dilma’ tem um apelo diferente. A começar pelo próprio nome, diga-se.

A comunidade foi idealizada por Erica Gonsales, que é modelo e fotógrafa. Seu namorado, André Maleronka, editor da revista Vice, havia sugerido a ela a foto que ilustra esse post – e que também está na comunidade. A própria Erica fez a foto e também fez outras imagens suas que estão na comunidade, que também foi ideia de Erica. Seus amigos, Autumn Sonnichsen e André Carvalho, fotógrafos, são autores de outras fotos da comunidade, que também é aberta a fotos de outras pessoas. As modelos das fotos são amigas, a própria Erica e pessoas que estão mandando as fotos.

Carvalho conta que a ideia surgiu quando o grupo se encontrava em um bar, todos com algum adesivo pró Dilma. “Na hora que a gente estava saindo, uma menina falou: ‘Nossa, um bando de petistas'”, relata. Segundo ele, houve alguma discussão e as meninas diziam “Essa mina é feia. A gente que é gostosa vota na Dilma”. 

Carvalho diz que o objetivo é fazer propaganda pró Dilma com “um pouco de humor, brincadeira”. E todo mundo gosta de ver uma mulher gostosa. Pessoal de esquerda querendo apoiar a candidata. Você não tem como mostrar o perfume”, acrescenta. “A gente pensou: a gente tem um bando de amigas gostosas, vamos fotografar”, conclui. Ele conta ainda que as pessoas estão aderindo e que há contribuições espontâneas. “Se alguém votar na Dilma por isso, acho ótimo”, disse ainda – a entrevista foi feita antes da eleição. 

Erica explicou a ideia como uma reação ao que chamou de “campanha violenta, para ir contra essas discussões mais caretas e violentas”, explicou. 

Lista de pretendentes

A criação da comunidade, no sábado, 23 de outubro, antecedeu em alguns dias uma declaração de Serra, em Minas Gerais, para que as “meninas bonitas” o ajudassem a conquistar votos. “Se é menina bonita, tem que ganhar 15 [votos]. É muito simples: faz a lista de pretendentes e manda e-mail dizendo que vai ter mais chance quem votar no 45”, disse o candidato na ocasião.

“Eu vejo que ele está tentando usar uma influencia, um pouco em cima dessa ideia de que a mulher manda nos caras. As mineiras tem uma fama de mulher forte”, diz Carvalho.

Erica classificou a declaração de Serra como “infeliz”. “Só de dar essa ideia, desabona o cara. Acho que ele enlouqueceu. Ou deram uma ideia e quando ele foi expressar essa ele só mostrou como ele realmente é”, disse.

Tudo o que sabemos sobre:

Dilma Rousseffeleições 2010FacebookPT

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.