As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Executiva do DEM aprova dissolução do diretório regional em SP

Jennifer Gonzales

24 de março de 2011 | 11h27

 Marcelo de Moraes, de O Estado de S.Paulo

A Comissão Executiva Nacional do Democratas aprovou nesta quinta-feira, 24, a dissolução do diretório regional do partido em São Paulo. O diretório era controlado pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, que decidiu deixar o DEM para fundar um novo partido, o PSD.

O comando nacional do partido quer definir os novos dirigentes estaduais até a próxima semana. Essa escolha será feita em consenso com a bancada de deputados federais que preferiu permanecer no Democratas em vez de acompanhar Kassab no PSD.

Depois que o diretório regional do DEM tiver sua sucessão resolvida, terá outra missão para cumprir. Terá que intervir no diretório do partido na capital paulista, que também ainda está sob influência política de Kassab. A Executiva pôde dissolver a comissão regional porque ela estava funcionando em caráter provisório. Como o mesmo não acontece com o diretório municipal será necessária a intervenção, que só pode ser feita depois da escolha de seus futuros dirigentes.

Com isso, o Democratas quer reduzir a influência de Kassab sobre o partido em São Paulo e prestigiar os parlamentares que permaneceram na legenda repassando a eles os espaços que pertenciam ao prefeito.

Tudo o que sabemos sobre:

DEMGilberto Kassab

Tendências: