As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Esquema de segurança para comício de Lula e Dilma divide opiniões em Recife

Camila Tuchlinski

27 de agosto de 2010 | 18h58

Rodrigo Alvares, enviado especial a Recife

IMG00036-20100827-1626
A organização do evento armou sistema de segurança pesado para a recepção de Lula e Dilma em Recife Foto: Rodrigo Alvares

Depois de a segurança da Presidência da República retira e isolar os cabos eleitorais do Marco Zero – ponto histórico de Recife -, os ânimos ficaram acirrados. Em um primeiro momento, apenas convidados vips e a imprensa puderam entrar no local.

A organização espera 10 mil pessoas no evento, mas até o momento o que se vê é muito empurra-empurra na hora de passar pelos detectores de metais. Algumas mulheres caíram no chão e desmaiaram.

Alguns dos presentes se divertiam com a situação, outros, não. “Hoje é dia do show do homem (Lula)”, bradou um cabo eleitoral, resignado. Pouco depois, entretanto, alguns militantes começaram a bater os cabos das bandeiras com raiva contra as grades de metal.

Tudo o que sabemos sobre:

comícioDilmaLulaRecife

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.