As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em paródia, publicitário protagoniza vídeo para defender Dilma e vira hit na internet

Camila Tuchlinski

15 Julho 2010 | 17h33

Com mais de 10 mil visualizações no Youtube, o vídeo do Dilmaboy, publicado no final do mês passado, está fazendo sucesso na rede. O idealizador e protagonista do vídeo, Paulo Reis, tem 25 anos e vive em Rio Verde (GO), cidade a 230km de Goiânia. Ele é estudante de publicidade e disse, em entrevista ao site ParticipaBr – feito pela campanha de Dilma Rousseff – que a ideia dele era de produzir um “viral” e jogar na rede.

Mistura de Rebolation e de um dos sucessos da cantora Lady Gaga, em um dos trechos do vídeo, Paulo diz que se a petista ganhar “vai rolar Dilma’s party/E sua secretária vai ligar pra você/E vamos comemorar com o Rebolation/Todos vão se esbaldar na festa do PT”.

A própria candidata comentou o vídeo em sua página no Twitter. “ Um grande abraço ao Paulo Reis, o querido DilmaBoy”, ecreveu Dilma. “E vamos seguir o @dilmaboyoficial também, não é, gente…”

Ainda na sua campanha para ser o candidato do Partido Democrata à presidência dos EUA, Barack Obama viu sua popularidade refletida com uma série de vídeos protagonizados pela modelo Amber Lee Ettinger, nos quais se dizia apaixonada pelo democrata. Ela ganhou o apelido de “Obama Girl” e o primeiro dos seus vídeos foi visto por mais de 18 milhões de pessoas. Coincidentemente, a empresa responsável pela produção da campanha de Dilma na internet é a mesma de Obama.

selinho_twitter2

Mais conteúdo sobre:

DilmaDilmaboyLady GagaYouTube