As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Em Lisboa, vice de BH espera Lacerda para saber se antecipa volta ao Brasil

Lilian Venturini

03 de abril de 2014 | 15h44

Pedro Venceslau

Enquanto o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB), faz mistério sobre a possibilidade de deixar o cargo para disputar o governo mineiro, o seu vice, Délio Malheiros (PV), aguarda a decisão em Lisboa para saber se embarca para Copenhague, na Dinamarca, ou retorna para Minas Gerais.

Os detentores de cargos públicos que pretendem disputar a eleição deste ano precisam de descompatibilizar até amanhã. “A chance disso acontecer era mínima, mas de dois dias para cá percebi que a candidatura dele pode acontecer”, disse Malheiros ao Estado. Ele, que além de vice é secretário de Meio Ambiente, partiu no começo da semana para um giro por três países europeus para participar de eventos sobre ecologia. “Fui surpreendido com a notícia. Estou esperando um telefonema para saber se volto ou sigo viagem”, diz.

A tese da candidatura de Lacerda para o governo mineiro ganhou força ontem depois que o prefeito foi até Brasília sondar a cúpula nacional do PSB, que teria, segundo aliados, dado apoio integral ao projeto. O principal desafio agora é evitar que a decisão cause fissuras na relação com seu padrinho político, Aécio Neves.

Mais conteúdo sobre:

EleiçõesMarcio LacerdaPSB