As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Disputa à Presidência terá 11 candidatos

Com dois nomes a mais em relação a 2010, eleições deste ano podem custar até R$ 916 milhões

Lilian Venturini

07 de julho de 2014 | 10h35

O Estado de S. Paulo

Onze candidatos vão concorrer à Presidência da República nestas eleições. O prazo de entrega dos pedidos de registro das candidaturas terminou no sábado, 5. Os últimos a protocolar a solicitação foram Rui Costa Pimenta (PCO), a presidente Dilma Rousseff (PT) e o senador Aécio Neves (PSDB).

No momento do registro, os candidatos precisam apresentar, entre outras informações, a declaração de bens, a previsão do gasto máximo durante a campanha e um programa de governo. Os dados ficam disponíveis no site do TSE. O tribunal ainda precisa avaliar as informações e pode negar o pedido em caso de irregularidades.

Em 2014, os partidos estimam gastar R$ 916,7 milhões, 46% a mais do que em 2010, quando nove postulantes ao Planalto gastaram R$ 611,5 milhões (em valores atualizados pelo IPCA geral).

Desde domingo a campanha eleitoral está liberada. Veja quem são os 11 candidatos:

Tudo o que sabemos sobre:

candidatos à PresidênciaEleições

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.