As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dilma Rousseff concede entrevista à RedeTV!

Camila Tuchlinski

25 de junho de 2010 | 17h19

A candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff recebeu Kennedy Alencar em seu comitê em Brasília (DF), onde concedeu sua primeira entrevista como candidata, para o programa É Notícia que irá ao ar neste domingo, 27, à 0h15.

Líder das pesquisas de intenções de voto, Dilma relembrou suas ações como Ministra-Chefe  da Casa Civil, em projetos como Minha Casa, Minha Vida e PAC e apontou problemas de segurança-pública e infra-estrutura no País. “Eu acho que, em oito anos, você não resolve todos os problemas do Brasil”.

Sobre Lula, afirma que o considera o melhor presidente do País, nos últimos 50 anos.  Dilma Rousseff também aproveita a entrevista para dizer que merece ser eleita a primeira presidente mulher do Brasil e garante sua participação no debate presidencial que a RedeTV! promoverá dia 12 de setembro.

Seguem alguns trechos da entrevista:

Sobre a doença
“Me sinto muito bem. Me sinto cheia de energia. É bom fazer campanha no Brasil. Nós temos um povo alegre.” Sobre o medo de morrer, responde: “Medo, medo de morrer, não dá, não. Valorizo muito a vida. Acho que você não sofre a ponto de ter medo de morrer.”

Eleição de 2014
Perguntada sobre um suposto acerto para ela ser candidata em 2010 e Lula, em 2014, reponde:
“O presidente não faria uma coisa dessas. A gente não sabe como vai ser 2014, mas todas as hipóteses estão abertas.”

Sombra de Lula
“Eu tenho o temperamento forte, mas eu também tenho a sabedoria para perceber a importância de ter o presidente Lula como uma pessoa que eu possa consultar. Tem momentos em que nós nos entendíamos pelo olhar.”

José Serra

“Em certos momentos, penso se não é uma vantagem que eu não tenha experiência eleitoral, porque eu também não tenho os vícios da atividade política eleitoral. Aliás, eu sempre me orgulharei de ter sido ministra-chefe da Casa Civil. Não sei se o meu oponente se orgulhará de ter sido ministro do Planejamento do primeiro governo do FHC.”

Copa do Mundo

“Se chegar a final, eu vou lá ver. Estou desconfiada que o Brasil jogará a final contra algum latino-americano. Mas, vamos ver.”

Tudo o que sabemos sobre:

DilmaentrevistaRedeTV!

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: