As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dilma promete dançar o ‘Rebolation’ se vencer

Camila Tuchlinski

20 Maio 2010 | 09h28

Por Vera Rosa

A pré-candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, apareceu descontraída no encontro de ontem com prefeitos, apesar da polêmica envolvendo a exibição de um vídeo vetado por sua equipe. Abordada pelo programa Pânico, da Rede TV!, ela prometeu dançar o Rebolation, mas só depois da eleição.

“Agora, estou um pouco endurecida”, justificou, provocando risos até em coordenadores de sua campanha. “Eu vou dançar o Rebolation só depois da eleição, se eu for eleita. Se eu não ganhar, vou dançar o frevo, que é mais bonito.”

Dilma saiu da sabatina promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) e foi cumprimentar funcionários da copa e da rouparia do hotel onde se realizou o encontro. A petista disse que fazer campanha é “tranquilo”. “Difícil, minha querida, é ficar sete anos e meio lá na Casa Civil”, afirmou.

A visita de Dilma aos funcionários do hotel mostrou que ela não mudou apenas o visual: trocou expressões consideradas antipáticas, como “minha filha” e “santinho”, por “minha querida” e “meu amor”. Treinada para não escorregar em “cascas de banana”, ela não quis responder se hoje está mais preparada do que quando iniciou a campanha em Minas e cometeu gafes. “Estou levíssima”, garantiu. “Durmo bem que é uma maravilha!”

Mais conteúdo sobre:

DilmaPânicoRebolationRede TV!